id

BLOG INformações




24/04/2015
Twitter fecha cerco contra mensagens abusivas.


Novas regras de utilização do Twitter
Na última terça-feira (21), o Twitter atualizou sua política de utilização, com o objetivo de coibir tweets que contém ameaças ou que de alguma forma promovam violência.
Junto à atualização, a rede social lançou um recurso interno que permite à equipe de segurança bloquear usuários infratores por um determinado período.
Quando o usuário for bloqueado, ele verá uma tela que informará o tempo restante para que a conta seja novamente liberada para uso.
A principal mudança nas regras de utilização é que a partir de agora o Twitter passa a considerar como conteúdo impróprio não só ameaças ou ofensas feitas de forma direta, ou seja, incentivar terceiros a fazê-las também pode resultar em punição.
A rede social também está testando uma nova ferramenta que vai facilitar a identificação das mensagens abusivas. Ela utilizará vários recursos para identificar o conteúdo, incluindo um banco de dados com tweets já identificados anteriormente. Também poderá levar em consideração a idade da conta e o seu contexto.
Com o novo método de bloqueio, as contas poderão ser desbloqueadas apenas apagando o tweet considerado ofensivo.
O objetivo é que esta ferramenta ajude o Twitter a limitar o alcance de conteúdos abusivos e que os usuários que cometerem abusos parem de criar novas contas, o que era comum quando as que eles usavam eram bloqueadas.
As mudanças já foram implementadas e não devem modificar o uso do microblog para os usuários que não infringirem os termos de utilização.




24/04/2015
Shoppings e internet tem previsão de aumento das vendas no dia das mães.


Contrariando previsões de retração do consumo no segundo trimestre, a Associação Brasileira dos Lojistas de Shopping (Alshop) está prevendo aumento de 8% nas vendas durante o período que antecede o Dia das Mães. Continua sendo um incremento.
A projeção é resultado de amostragem realizada pela associação junto a 50 varejistas de vários segmentos. As estratégias dos lojistas também se dividem entre ações mais agressivas de marketing e, por outro lado, em lançamento de produtos e realização de promoções.
As categorias de produtos que mais são demandadas no período, segundo a Alshop, são artigos para o lar e objetos de decoração; CDs e DVDs; bijuterias e acessórios; roupas e sapatos; perfumaria e cosméticos. E objetos tecnológicos ganham cada vez mais espaço na lista, como TVs de LCD e LED, celulares de última geração e tablets.
E-varejo 2015: Previsões para o Dia das Mães
As expectativas para o Dia das Mães em 2015 vão contra as opiniões pessimistas que giram em torno da crise econômica, surpreendendo aos donos de lojas virtuais. Conforme apresentado pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), ao longo de 2015 os e-commerces irão faturar, em média, R$ 81,3 bilhões e tal número supera o dobro do ano passado ─ R$ 39,5 bilhões.
É só aguardar para ver se estas previsões vão se confirmar.




24/04/2015
James Bond se recusa a usar Xperia em seu novo filme.


É segredo para alguém do mundo da comunicação que a franquia James Bond é uma mina de ouro quando o assunto é product placement? Basta ver o histórico de cases com marcas de diversos segmentos.
O que ninguém sabia ainda é que ator Daniel Craig e o diretor Sam Mendes inicialmente se recusaram a aceitar que o personagem James Bond usasse um smartphone Sony Xperia Z4 nas filmagens do novo filme da série: Spectre. A informação foi vazada pelo WikiLeaks, que publicou a troca de e-mails entre os produtores do filme e a marca.
De acordo com o diálogo, o diretor e o ator achavam estranho o fato de James Bond não usar o “melhor equipamento”, que na opinião deles não é o aparelho acima citado, apesar da proposta de cinco milhões de dólares da marca. Os documentos também mostram uma possibilidade de abrir negociação com a Samsung, que também fez propostas para ter seu smartphone nas mãos de Bond.
Vigésimo quarto filme da franquia James Bond, Spectre estreia em 6 de novembro no Brasil.




24/04/2015
Logotipo do Android apareceu urinando em maçã da Apple no Google Maps.


Parece que algum funcionário do Google não é muito fã da Apple. Quer saber por quê? Já foi retirado do ar, mas quem acessou o mapa do Paquistão pelo Google Maps viu a “brincadeira”.
Na imagem, um gráfico peculiar foi introduzido. Nela, o robô símbolo do Android, urina em uma maçã, icônico logotipo da empresa de Jobs. As empresas são rivais no mercado de sistemas operacionais de smartphones.
A imagem foi exibida no modo de mapa padrão do Google Maps em uma área ao sul da cidade de Rawalpindi , no Paquistão.
Em tom de brincadeira, o site do The Mirror, resolveu perguntar para Siri, porque não responder à provocação a altura:
Por enquanto, o Google não se pronunciou sobre como isso foi aprovado.




23/04/2015
Anúncio do SBT parabeniza Globo e ganha grande repercussão na web.


Elogiar o adversário também pode ser uma estratégia de comunicação inteligente. Assim provou o SBT, que num de seus anúncios no jornal Meio & Mensagem parabenizou a rival Rede Globo de Televisão por seus 50 anos de existência.
O mais interessante é que o assunto foi além do trade publicitário e ganhou mídia espontânea em diversos portais e blogs. A conversa também viralizou nas redes sociais, com uma imensa maioria de compartilhamentos elogiosos por parte do público, sobretudo relacionando a peça com o estilo de trabalho de Silvio Santos. O anúncio se transformou também em enquete no portal IG.
Independentemente do grau de sinceridade da peça, a postura parece ter sido acertada, sobretudo por que está sendo vista com bons olhos pelo público e não com desconfiança.




23/04/2015
Burguer King cria anúncio com cheiro e fumaça do Whopper.


De acordo com o Burguer King, se existe algo que diferencie o seu produto com relação aos da concorrência, esse fator, além da carne grelhada, é o cheiro de seu Whopper. Este foi o ponto de partida para que a agência espanhola La Despensa criasse uma ação no mínimo inusitada, com a intenção de promover as qualidades do lanche número um da franquia.
Para chamar a atenção do público, nos pontos de ônibus de Madrid, foram instalados anúncios com o cheiro do Whopper e fumaça de verdade. Além da experiência que estimula os sentidos, a peça conta ainda com uma mensagem de convite, algo do tipo: “visite a loja mais próxima”.
Pouco explorado aqui no Brasil, o recurso de marketing sensorial é uma tendência mais forte na Europa e nos Estados Unidos, principalmente no varejo. A adaptação da estratégia para out of home também pode ser interessante.




22/04/2015
ClearSale organiza evento sobre novas tendências do comércio eletrônico brasileiro.


Acontece dia 23 de abril, em São Paulo, o E-trends 2015, evento organizado pela ClearSale, empresa especializada em soluções antifraude para transações comerciais de diversos segmentos do mercado. Com início às 9h da próxima quinta-feira, o encontro tem participação de importantes nomes do setor, como Rogério Gomes, da Superpay; Marcelo Kheirallah, da Mundipagg; Eduardo Molter, da Stone; Jane Graziele, da Microsoft; e Thiago Sarraf, consultor especializado em comércio eletrônico, reunidos para discutir as principais novidades do varejo online.
Juliana Lorenzetti, representante da ClearSale, abrirá o dia com a palestra “A fraude no e-commerce”; seguida por temas como soluções para pesquisas online, gateways” e adquirentes. O evento acontecerá no Novotel Jaraguá, no Centro de São Paulo, e é aberto ao público, com inscrições pelo email flavia.cunha@clearsale.com.br.
Serviço
E-trends 2015
23 de abril, das 9 às 17h
Novotel Jaraguá – Rua Martins Fontes, 71 – República




22/04/2015
SCUP LANÇA CLASSIFICAÇÃO AUTOMÁTICA DE SENTIMENTOS.


Ferramenta contribui para ganho de produtividade e fortalece visão estratégica
O Scup (www.scup.com), ferramenta líder em monitoramento, gestão e análise de mídias sociais,acaba de colocar no mercado uma nova ferramenta, a Classificação Automática de Sentimentos. O objetivo é ajudar as empresas a analisarem o que os usuários falam sobre as marcas no ambiente digital. Com o auxílio da tecnologia da Semantria, empresa especializada em análises qualitativas nas redes sociais, a ferramenta é capaz de avaliar e categorizar automaticamente o sentimento contido nas postagens acompanhadas. Em testes realizados pelo próprio Scup, a ferramenta apresentou uma média de acertos superior a 80%.
Entre as principais vantagens no uso da tecnologia de classificação automática está o aumento da produtividade. Atualmente, um analista de mídias sociais, que trabalha manualmente, gasta em torno de uma hora para classificar 150 posts. Ou seja, um monitoramento que colete 600 menções diárias, precisará de um profissional disponível 4 horas por dia, sem contar as citações do final de semana. “A automatização do processo de classificação vai permitir que o profissional de mídias sociais possa dedicar mais tempo para as questões estratégicas, utilizando as informações disponíveis para ter insights e encontrar novas oportunidades de negócios para sua marca”, explica Gustavo Zaiantchick, CEO do Scup.
Outra vantagem é a possibilidade de monitorar e classificar os resultados que a concorrência tem obtido. A ferramenta permite ainda que as empresas, antes de lançar um produto no mercado, testem sua receptividade, ao criar buscas específicas e ativar a Classificação Automática de Sentimentos. “Este tipo de análise pode auxiliar as companhias de diversas formas, como por exemplo, na adequação do lançamento às expectativas percebidas nas classificações ou até mesmo evitando o lançamento se o ambiente for pouco favorável”, explica Zaiantchick.
Simultaneamente, o Scup lança o Scup Dashboard, que permite acompanhar em tempo real as menções feitas em redes sociais, traçando um panorama da saúde da marca e do mercado e identificando crises e oportunidades de negócio. A ferramenta também consegue controlar o tempo de respostas nas redes, além de analisar tickets, acompanhar a performance da equipe e a relevância de cada rede social para construção da marca.
Com os dois novos produtos do Scup, as empresas terão mais agilidade para gerenciar suas redes sociais, o que contribui para fortalecer a marca e aproximá-la cada vez mais de seu público. “Tendo a Classificação Automática de Sentimentos, as informações no Dashboard são atualizadas instantaneamente, possibilitando uma visão da saúde da marca muito mais completa. Essa visão, quanto mais próxima do real e atualizada possível, permite uma tomada de decisão mais assertiva”, conclui Gustavo.




22/04/2015
Cartão de crédito é meio de pagamento usado em 73% das compras no comércio eletrônico.


A cada dez transações efetuadas via internet, sete são concluídas por meio de um cartão de crédito, duas por boleto bancário e uma por alguma forma de pagamento complementar. Os dados são do Moip, empresa brasileira de soluções para pagamentos, em parceria com a Keyscores, e traz a comparação dos meios mais comuns na internet brasileira entre 2013 e 2014. Responsável por 73,44% de todas as compras feitas, o cartão de crédito manteve a predileção isolada do usuário, com crescimento de 3% ante o ano anterior.
Segunda maneira mais usada para compras na internet, o boleto bancário apresentou decréscimo durante o mesmo período, de 23,25% para 20,21%. Apontada como uma das tendências em 2013, as wallets também tiveram baixa em 2014: de 1,16% no share, a carteira virtual baixou para 0,72%. Em contrapartida, tanto o cartão de débito quanto a transferência online conseguiram aumentar na preferência dos consumidores: de 0,05% para 0,1%; e de 4,93% para 5,53%, respectivamente.
De acordo com Igor Senra, CEO do Moip, a dominação do cartão de crédito pelo consumidor brasileiro se explica por um comportamento comum no país: a facilidade do parcelamento. “Mesmo antes do recente aumento do crédito, esta forma de pagamento sempre foi a preferida do consumidor, exatamente pela possibilidade não precisar realizar o pagamento à vista. E da internet se tratar, em grande parte, de compras por impulso, o fato de não precisar arcar com os custos totais no momento torna a experiência mais real”, acredita.




17/04/2015
Unilever Food Solutions lança nova linha de sachês Hellmann’s após pesquisa com consumidores


Com campanha na internet, marca lança embalagens com tecnologia inovadora
A Unilever Food Solutions, divisão da companhia voltada para o desenvolvimento de produtos e soluções para o mercado de alimentação fora do lar, lançou novas embalagens de sachês para a linha de maionese, ketchup e mostarda Hellmann’s. Os produtos foram desenvolvidos após pesquisas realizadas com consumidores e contribuem para evitar o desperdício, além de possuírem uma inovadora tecnologia de abertura.
“Fizemos diversos estudos para conseguir desenvolver uma embalagem que atendesse os consumidores mais exigentes e ajudasse os estabelecimentos a se diferenciarem. Agora, além do produto ter o porcionamento correto, é muito mais fácil de abrir.”, afirma Rodrigo Bertoncini, diretor de marketing da Unilever Food Solutions.
Por meio de uma pesquisa quantitativa solicitada pela Unilever em 2013 e realizada pelo instituto Ipsos com 252 consumidores, a marca descobriu que a maioria possui o hábito de abrir dois sachês de ketchup ou maionese, mas não consumi-los por inteiro, o que gera o desperdício de cerca de 35% do produto e, consequentemente, prejuízo para os donos dos estabelecimentos. A partir dessa constatação, as novas embalagens de ketchup e maionese passaram de 8g para 12g o equivalente a um sache e meio, ou seja, a proporção certa em apenas um produto. No caso de mostarda, a pesquisa identificou que o consumo médio é de 8g, quantidade que foi adotada nos novos sachês do produto.
Reafirmando o compromisso da Unilever com práticas sustentáveis, o lançamento também foi desenvolvido para diminuir a quantidade de lixo dos estabelecimentos. Estudos da companhia estimam que ao trocar os dois sachês de 8g por um da nova embalagem, que possui 12g do produto (maionese e ketchup), a redução da quantidade de lixo é de 44%. Para a embalagem de mostarda a redução é de 56%.
Outra situação confirmada pela pesquisa foi a dificuldade em abrir a embalagem de sachê. Diante disso, a Unilever Food Solutions implementou nos sachês uma nova tecnologia inovadora que facilita a abertura.
A luta acabou
Para promover o lançamento, Hellmann’s criou o filme ‘A luta acabou’ brincando com situações nas quais os consumidores travam uma verdadeira “batalha” para abrir um sachê.




17/04/2015
18º Congresso Brasileiro de Comunicação


Comunicação Corporativa: Congresso Mega Brasil transforma-se em busca de maior inteligência e liderança para a atividade
Encontro será realizado nos dias 26, 27 e 28 de maio no novo Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo, tendo por tema central Rupturas e conexões da Nova Comunicação Corporativa
Ao entrar no seu 18º aniversário, o Congresso Brasileiro de Comunicação Corporativa prepara-se para um novo salto de qualidade, buscando com isso consolidar seu papel de liderança e vanguarda na Comunicação Corporativa brasileira. Entre as várias mudanças programadas para o evento, a principal, segundo Eduardo Ribeiro, diretor da Mega Brasil, empresa que organiza o encontro, será a troca das receitas prontas, que valorizam os cases de sucesso, por um conteúdo de maior reflexão, que estimule o debate, amplie as fronteiras do conhecimento e contribua para consolidar e ressaltar o perfil estratégico da atividade . “Estamos entrando num novo momento na Comunicação Corporativa, em que cada vez mais a inteligência, a inovação e a inquietude são requisitos básicos para qualquer profissional da área” – diz Ribeiro. “E nesse contexto – ressalta – as receitas prontas, embora válidas, já não cumprem com o mesmo vigor seu papel. Mais do que ver o que deu certo e copiar, nossas equipes começam a ser desafiadas a pensar de modo cada vez mais plural, a serem criativas, ousar, alargar as fronteiras do conhecimento e dominar as múltiplas potencialidades que a comunicação oferece. E essa é a proposta do novo Congresso Brasileiro de Comunicação Corporativa, que terá, na sua grade, seis minicursos e oito mesas redondas sobre temáticas que têm impactado de forma vigorosa o fazer e o pensar da atividade”.
Marco Rossi, também diretor da Mega Brasil, acrescenta que o evento em seus 17 anos tem como principal marca exatamente a renovação. “Sempre buscamos inovar, ousar e construir uma base sólida para o avanço e a evolução da atividade  – afirma, acrescentando: “Fomos, aliás, os primeiros a introduzir no segmento o conceito de tema-guia e as palestras simultâneas. Fizemos o Congresso 3 em 1, fundindo atividades da comunicação corporativa, pública e digital. Reunimos jornalistas escritores em rodas de conversa com os profissionais de comunicação. Realizamos desfile de moda, para introduzir no nosso universo o conceito de moda corporativa. Organizamos visitas técnicas às áreas de comunicação de grandes organizações. Durante anos organizamos a Feira da Comunicação Corporativa, permitindo que grandes corporações e agências de comunicação mantivessem um contato direto, corpo a corpo, com congressistas. Levamos ao evento dezenas de especialistas internacionais e também os mais importantes profissionais de comunicação do País. A eles muitas vezes juntamos personalidades de reconhecimento nacional, como empresários, políticos, cientistas, entre outros. Também organizamos shows, exposições fotográficas, jantares de confraternização, entre muitas outras atividades. Em cada ano, sempre uma coisa nova, inovadora, ousada”.
Agora, em 2015, segundo ele, essa característica de inovar constantemente, prosseguirá: “Eu diria até que isso vai se radicalizar, pois vamos de fato iniciar um novo ciclo, em que, mais do que olhar as fórmulas prontas, o objetivo é estimular nossos profissionais a pensar com mais profundidade na atividade e no seu próprio papel dentro dela, a refletir sobre os caminhos a percorrer, a entender as mudanças do mundo moderno e da própria comunicação”.
Dividido em jornadas, o 18º Congresso Brasileiro de Comunicação Corporativa, que ocorrerá nos dias 26, 27 e 28 de maio, no novo Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo, tendo por tema central Rupturas e conexões da Nova Comunicação Corporativa, terá, entre conteúdo e efemérides, 21 atividades.
As inscrições ao 18º Congresso Brasileiro de Comunicação Corporativa estão abertas e podem ser feitas diretamente pelo site da Mega Brasil, www.megabrasil.com.br. Outras informações pelo 11-5576-5600 ou eventos@megabrasil.com.br.




15/04/2015
O estrago já foi feito.


Ninguém pode saber quanto tempo levará a investigação sobre a suspeita de desvio de comissões de publicidade que atinge a Borghi Lowe. Nem o resultado.
Mas uma certeza a respeito já se tem. O arranhão na imagem da agência vai exigir muito trabalho para ser reparado.
Basta abrir a página da agência no Facebook  Entre menções de solidariedade, vários comentários praticamente condenando a agência antes de qualquer julgamento.
Não há dúvida de que contas públicas tem muita responsabilidade no fato da butique criativa aberta em 2002, que virou sócia de um grupo internacional quatro anos depois e totalmente multinacional em 2012, fechar 2014 em quarto lugar no ranking brasileiro. Obra de Ricardo Hoffmann, preso pela operação Lava Jato, que o presidente e o VP e diretor geral da agência, José Henrique Borghi, e Valdir Barbosa, conheceram ainda na Newcomm Bates, onde os três atuaram no final dos anos 90.
Sem dúvida ele foi fundamental na conquista das contas da Caixa, Ministério da Saúde, Petrobras Distribuidora e BNDES.
O fato de ser ex-funcionário desde o final do ano passado também não servirá de argumento para que a agência seja investigada a fundo.
Uma triste situação para o criativo Borghi, que com o futuro sócio Erh Ray, na DM9, formou entre 94 e 99 uma dupla com trabalhos premiadíssimos como a campanha Mamíferos da Parmalat e o comercial Carlinhos sobre Síndrome de Down.
Em 2002 realizaram o sonho de criar sua pequena agência.
Assediados por gigantes como Nizan Guanaes e Eduardo Fischer, além da JWT brasileira, só fecharam negócio quatro anos depois, em 2006 com o grupo Lowe.
Em 2012 Ray deixou a sociedade e sua parte para o sócio internacional.
E é aos clientes privados que conquistaram com essa grife, como Unilever, Boerhringer, Adria e 3 Corações, basicamente, que terão que explicar seu envolvimento em denúncias de corrupção.
A Borghi Lowe pode até ser absolvida nesse episódio desde que se prove que Hoffmann agiu por conta própria e do grupo armado pelo ex-deputado André Vargas. Mas, sua imagem, infelizmente, vai conviver com uma mancha que pode se espalhar pelo mercado e por agências que um dia acreditaram ser possível trabalhar dentro da legalidade para um governo que abriga agentes suspeitos em suas empresas e ministérios.




15/04/2015
Pepsi rouba a bola da Coca-Cola depois de 28 anos e vai fazer a cesta na NBA.


Foi em 1987, ainda quando Michael Jordan arrancava a carreira na NBA, que a Coca-Cola iniciou a sua relação de patrocinador oficial da Associação Nacional de Basquetebol dos Estados Unidos.
Agora, vê a rival Pepsi roubar-lhe a bola.
A partir da próxima temporada, a marca de refrigerantes centenária será substituída pela rival Pepsi como patrocinador oficial da liga norte-americana de basquetebol, que passa a ter o direito de entrar em campo para promover marcas como a Mountain Dew, Aquafina, Brisk, Ruffles ou Doritos, além da própria Pepsi, durante os jogos.
O acordo anunciado na última segunda-feira engloba a ainda a China, sendo que, neste país, a empresa do setor alimentar e bebidas Tingyi, parceira da Pepsi, passará a ser parceiro comercial exclusivo da NBA.
Além da NBA, a Pepsi é actualmente a patrocinadora oficial das principais ligas desportivas dos EUA, incluindo a Liga de Futebol Americano (NFL), de Basebol (MLB) e a de Hóquei no Gelo (NFL).
Já a Coca-Cola afirma que optou por não renovar com a NBA mas irá manter o patrocínio individual a jogadores e equipas, como é o caso de LeBron James dos Cavaliers




15/04/2015
Bobeou! Emissora francesa vacila e revela algumas senhas em transmissão.


Todos viram que uma emissora de TV francesa que foi hackeada pelo Estado Islâmico na quarta-feira.
Para resumir, o que aconteceu foi o seguinte: durante várias horas, a página do canal TV5Monde no Facebook e no Twitter, os sites da empresa e até mesmo os canais de televisão (que são retransmitidos em diversos países ao redor do mundo) passaram por problemas técnicos ou foram invadidos definitivamente.
Até aí todos já sabem. Porém, é possível que a própria TV5Monde tenha divulgado as senhas de suas páginas nas redes sociais sem querer. Sim, caro leitor, você deve estar pensando: “como isso poderia ter ocorrido?”.
Vamos explicar: a emissora estava transmitindo uma entrevista, em seus estúdios, sobre os ataques aos sinais de TV. Porém, o que a galera não notou é que atrás do repórter David Delos havia um mural, onde, supostamente, algum gênio achou que seria uma boa ideia pendurar papéis com os logins e as senhas de várias redes sociais da TV.
Obviamente que a emissora não confirmou se essas informações são verdadeiras ou falsas, mas que em alguns papéis dá para ler as palavras “YouTube” e “Login” com alguma informação à frente isso ninguém pode negar. Inclusive, o usuário do Twitter pent0thal publicou em sua conta do microblog a senha, que seria “lemotdepassedeyoutube”, que significaria algo como “asenhadoyoutube” em tradução literal.




14/04/2015
Baidu Antivírus cria 1ª campanha que indeniza vítima de golpes online.


Ação inédita do varejo brasileiro, Compra Segura vai pagar até mil reais para usuários que sofram ataque virtual durante as compras de Dia das Mães
A multinacional chinesa de tecnologia Baidu estreia, esta semana, uma campanha de marketing inovadora para promover o e-commerce seguro durante o período de compras do Dia das Mães, data mais importante do comércio brasileiro após o Natal.
A ação, chamada de “Compra Segura” vai garantir aos usuários do Baidu Antivírus recompensa financeira de até mil reais aos usuários do software que, eventualmente, forem vítimas de golpes de DNS, tipo de ataque extremamente difícil de o usuário proteger-se. No golpe de DNS, o hacker compromete o modem de acesso à web ou um servidor de internet e redireciona para IPs falsos usuários que digitam corretamente URLs legítimas em seu navegador.
A proteção contra ataques de DNS e o direito a pedido de indenizações será anunciado na maior campanha já feita pela companhia chinesa no Brasil, em anúncios que serão veiculados em programas das TVs Globo, SBT e Record, rádios, mídias online e redes sociais. O filme para TV, spots de rádio e peças digitais exploram, mais uma vez, a imagem do comediante Rafael Infante, um dos integrantes do canal Porta dos Fundos. Infante, que estrelou a primeira campanha do Baidu Antivírus no final de 2014, vestido de vírus, volta à mídia desta vez dirigindo um tanque de guerra para anunciar a potência reforçada do Compra Segura.
De acordo com Yan Di, head do Baidu no Brasil, a oferta de indenização para vítimas de golpes online é uma demonstração da elevada confiança que a companhia possui em sua solução gratuita de segurança. “Nós não ofereceríamos um recurso deste tipo se não tivéssemos total certeza da eficácia de nosso antivírus, capaz de bloquear os ataques mais sofisticados contra usuários e protegê-los em um momento sensível de sua navegação, quando fazem compras online e, necessariamente, precisam fornecer informações sensíveis, como número de cartão de crédito ou dados bancários”, afirma.
A campanha também busca esclarecer os usuários sobre as ameaças mais recorrentes à sua segurança online e contribuir para o crescimento do e-commerce e o desenvolvimento de um ambiente digital mais seguro no Brasil.Para estar protegido e ter o direito à  indenização, o usuário deve ter a versão mais recente do Baidu Antivírus instalado em seu computador, concordar com os Termos de Uso da promoção e obedecer às recomendações de segurança do software.




14/04/2015
Dia das Mães e frio: boa combinação para o varejo


Se a chegada antecipada dos dias mais frios coincidir com o período de compras do Dia das Mães, o varejo de vestuário pode ter boas expectativas neste primeiro semestre. A despeito do consumidor estar mais retraído, o Dia das Mães representa a segunda data do ano mais importante para as grandes redes representadas pela ABVTEX (Associação Brasileira do Varejo Têxtil). A data é somente superada pelo Natal.
E é justamente nesta época do ano que os varejistas já estão com as coleções Outono-Inverno nas lojas. De maior valor agregado, estes artigos geram um ticket médio mais elevado, principalmente nas regiões Sudeste e Sul do País. Vale lembrar que em anos anteriores, o varejo foi surpreendido por dias muito quentes às vésperas do Dia das Mães. “O varejo sempre tem a expectativa de que o clima contribuirá para o aumento das vendas. O consumidor brasileiro não tem o hábito de programar suas compras, ou seja, se o dia amanhece com temperaturas mais baixas, a demanda por casacos e jaquetas aumenta consideravelmente”, afirma Sidnei Abreu, diretor executivo da ABVTEX.
O varejo de vestuário vem sentindo de perto os problemas advindos da diminuição do poder de compra, elevada carga tributária, deficiências de infraestrutura, alta do dólar e reflexos das crises hídrica e de energia. Ainda assim, a atividade aposta na oferta de crédito, artigos diferenciados, coleções, vitrines atrativas e na capilaridade do grande varejo de Norte a Sul do País para conquistar o consumidor.
“No Dia das Mães, as roupas estão no topo da lista de itens mais procurados, seguidas de perfumes, cosméticos, calçados e acessórios. Só falta o clima ajudar”, conclui Abreu.
A ABVTEX representa 22 grandes redes varejistas nacionais de vestuário; artigos de cama, mesa e banho; calçados, bolsas e acessórios.




14/04/2015
Estudo mostra o poder afetivo da comida preparada pelas mães.


Pesquisa realizada em 11 países do mundo mostra a relação entre a comida e as memórias afetivas
O alimento tem a capacidade de conectar as pessoas às suas lembranças mais especiais e unir familiares e amigos. É isso o que constatou uma pesquisa realizada em 11 países, com mais de 9.000 pessoas, sobre o poder que os sabores possuem na vida das pessoas. O estudo foi encomendando pela Knorr para a empresa Edelman Berland.
“Esta pesquisa foi muito importante para mostrar que a relação das pessoas com a comida vai muito além do seu aspecto nutricional. Ela tem a capacidade de transformar a vida das pessoas e produzir conexões afetivas”, afirma Isabella Rizzo, gerente de marketing Knorr.
A primeira etapa do estudo[1] constatou que uma das comidas mais importantes e que ajudou a construir esse tipo de relação é a preparada pelas mães. Para se ter uma ideia, no caso do Brasil, 88%  afirmaram que ela era a responsável por cozinhar para eles na infância, criando, para 75% dos entrevistados, uma das melhores receitas do mundo, independentemente do tempo que se tenha passado. Prova disso, é que 77% disseram que essa refeição consegue trazer lembranças boas de sua infância.
Ainda entre os brasileiros, a comida apresenta um papel importante de conectar familiares e amigos. 80% da população pesquisada concorda que os alimentos fizeram, de alguma forma, parte dos momentos mais importantes da sua vida e que envolviam pessoas amadas. Quando estão distantes de casa, 82% conseguem encontrar o mesmo conforto de seu lar em alguma refeição especial.
A tradição de cozinhar e comer em grupo pode influenciar na formação das pessoas. Segundo 73% dos brasileiros, esses momentos são oportunidades para compartilhar as tradições familiares. Durante a infância, quase a metade (47%) ajudou a cozinhar durante ocasiões especiais de família.




10/04/2015
A sombra de Abílio Diniz aumenta sobre o Pão de Açucar.


A saída não calorosa do Grupo Pão de Açucar começa a assombrar.
A Península Participações, empresa de investimentos de Abílio Diniz, atingiu 5,07% do capital do Carrefour no mundo. Ao comprar ações de forma pulverizada na bolsa de Paris, a companhia dobrou a posição registrada em dezembro de 2014, quando possuía 2,4% da varejista.  A aquisição tornou Diniz o quarto maior acionista da multinacional francesa, atrás da família Moulin, do bilionário Bernard Arnault, e da empresa de investimentos Colony Capital.
Com a conquista, o brasileiro agora busca uma cadeira no Conselho de Administração da segunda maior rede de varejo do mundo. Para fazer parte do colegiado composto por 14 membros, o nome dele deverá ser apresentado e votado durante reunião agendada para julho.
A relação de Abílio Diniz com o Carrefour começou em dezembro do ano passado, quando a multinacional francesa vendeu 10% de suas operações no Brasil para o empresário. A transação marcou o retorno dele ao setor supermercadista, deixada em 2013 quando saiu do Grupo Pão de Açúcar, companhia fundada por seu pai.




10/04/2015
“Liberdade de expressão” pede a Sociedade Interamericana de Imprensa aos líderes da Cúpula das Américas.


Carta é publicada pela entidade com muita propriedade e oportunidade
A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) publicou carta aberta aos presidentes dos países participantes da VII Cúpula das Américas pedindo atenção dos líderes para a liberdade de expressão. Segundo a entidade, o evento oferece uma oportunidade histórica para os governantes demonstrarem um real comprometimento com o tema.
A carta incentiva os chefes de Estado do continente a aproveitarem a Cúpula para pressionar os presidentes Raúl Castro, de Cuba, Rafael Correa, do Equador, e Nicolás Maduro, da Venezuela. De acordo com a SIP, estes países cometem frequentemente violações aos direitos humanos e à liberdade de expressão.
Leia na íntegra:
“Uma oportunidade histórica
Os líderes dos governos que representam os povos das Américas, reunidos nesta VII Cúpula das Américas cujo tema é “Prosperidade com igualdade: o desafio da cooperação nas Américas”  têm uma oportunidade histórica de reafirmar seu compromisso com a liberdade de expressão e de imprensa e com o direito à informação dos cidadãos, princípios que a Carta Democrática Interamericana considera essenciais para a vida democrática e para o bem comum.
Com esse tema, e de acordo com o exigido por cada Constituição, os governantes têm a obrigação de vigiar, promover e defender a liberdade de expressão como direito humano fundamental, sem o qual não pode haver verdadeira prosperidade, igualdade e cooperação entre os cidadãos e os povos.
Para além das diferenças ideológicas e das retóricas oficiais sobre interferências inadequadas e soberanias nacionais, a violação das liberdades individuais e civis, como obriga a Declaração Universal de Direitos Humanos, deve ser denunciada por todos – governantes e governados – sem censura, limites ou fronteiras.
Não há desculpas para que os nossos governantes sejam testemunhas silenciosas do sofrimento dos cidadãos que não podem se expressar livremente. Todos deveriam reagir quando alguém é perseguido, preso, insultado, agredido ou violentado por expressar suas ideias. Ninguém pode ficar calado quando esses abusos e afrontas provêm do próprio Estado.
Ninguém pode ficar calado ou indiferente diante das violações dos direitos humanos, da liberdade de expressão, que cometem, de forma particular e sistemática, os governos de Raúl Castro, Rafael Correa e Nicolás Maduro. Presos de consciência, meios de comunicação fechados, jornalistas e cidadãos amordaçados expõem essas violações.
Se esta VII Cúpula pretende ser histórica, deverá reconhecer que não bastam atos eleitorais para que se construa uma democracia. A democracia exige uma nítida separação de poderes, juízes independentes, transparência na gestão pública, promoção da prosperidade, igualdade, garantias individuais e um ambiente de respeito que alimente a pluralidade e diversidade de ideias como corresponde a um Estado de direito.
No futuro se poderá julgar se na Declaração que emanar desta Cúpula, os governantes do continente americano se mostraram firmes de que a cooperação plena e verdadeira só poderá ser alcançada quando existir convicção democrática e quando nenhum cidadão for excluído ou discriminado por pensar, opinar ou por ser diferente”.




09/04/2015
Curso de graduação em marketing na Faap.


Objetivo é preparar o profissional para administrar a comunicação da empresa como business, indo além da abordagem técnica e oferecendo uma visão mais humanista
A Fundação Armando Alvares Penteado (Faap) acaba de lançar seu curso de graduação em Marketing, com o objetivo de preparar o profissional para administrar a comunicação da empresa como business, mas com visão mais humanista. As inscrições estão abertas e a prova do vestibular acontecerá no dia 31 de maio. O período letivo será no segundo semestre de 2015. Os estudantes da área não contam com muitas opções de bacharelado, como mostra matéria do Mundo do Marketing. Grande parte das ofertas é de cursos tecnólogos.
Além do repertório técnico e prático, a universidade busca oferecer também foco humanista ao curso, indo além do trabalho analítico do produto e do consumidor. A abordagem permite um conhecimento diferenciado e um repertório mais sensível, que aproxima e facilita o relacionamento das empresas com seus clientes. A estrutura curricular é dividida por módulos de conhecimento: humanas, fundamental e competências funcionais.
O núcleo de Humanas procura desenvolver no aluno o senso crítico em relação à sociedade e à compreensão do ser humano; o núcleo Fundamental tem como objetivo aproximar o mundo do trabalho ao universo acadêmico; e o núcleo de Competências Funcionais pretende, por meio de atividades práticas, capacitar o aluno para elaborar ideias e propostas com soluções mercadológicas eficazes.
Os alunos da graduação em Marketing da FAAP também têm a possibilidade de obter uma formação múltipla, podendo ter acesso a até quatro disciplinas de qualquer curso por semestre, sem custo adicional. Outro diferencial é a oportunidade de fazer intercâmbio internacional, considerando que o curso possui parcerias com mais de 200 instituições em 38 países.




09/04/2015
10 marcas mais influentes do Brasil


Samsung lidera ranking elaborado pela Ipsos, que busca entender o poder das empresas no mercado e a relevância delas na vida dos consumidores. Nestlé e Google aparecem em seguida
A Ipsos realizou um estudo para entender o poder das empresas no mercado e a relevância delas na vida dos consumidores. A partir dele, pôde elaborar um ranking das 10 marcas mais influentes no Brasil em 2014. A Samsung liderou a lista, seguida de Nestlé, Google, Havaianas e Microsoft. Cinco das marcas do ranking top 10 foram patrocinadoras da Seleção ou da Copa do Mundo 2014 – Samsung, Nestlé, Sadia, Johnson & Johnson e Gillette.
Entre os atributos que definem como as marcas podem influenciar a vida das pessoas estão relevância (31%), confiança (23%), liderança (16%), presença (14%), buzz online (10%) e cidadania corporativa (6%). A pesquisa da Ipsos contou com uma amostra online de 1.000 entrevistas com respondentes de todas as regiões do país, das classes A, B e C, entre 18 e 55 anos.
As 10 marcas mais influentes do Brasil em 2014, segundo a Ipsos são:
1° – Samsung
2° – Nestlé
3° – Google
4° – Havaianas
5° – Microsoft
6° – O Boticário
7° – Natura
8° – Sadia
9° – Johnson & Johnson
10° – Gillette




08/04/2015
Startups: permuta auxilia na conquista dos primeiros clientes.


Seja por necessidade ou sonho de ter um negócio próprio, muitas pessoas têm decidido tomar o caminho do empreendedorismo, ou mais especificamente das startups. Porém, ao iniciar no mundo dos negócios, mesmo em micro ou pequenos empreendimentos, muitos ficam inseguros por causa da economia atual do país, os custos iniciais e também como adquirir os primeiros clientes, entre diversas outras dúvidas.
Uma recente pesquisa do Global Entrepreneurship Monitor (GEM), em parceria com outros institutos de pesquisas, revelou que o Brasil ocupa a quarta posição no ranking em número absoluto de empreendedores, atrás da China, da Índia e da Nigéria. Muitos dos aspirantes a empreendedores consideraram que abrir um negócio é uma opção desejável de carreira. Análises também revelam os principais sonhos dos brasileiros: a prioridade é a casa própria; depois viajar pelo Brasil; e logo após, ter seu próprio negócio.
Porém, para abrir uma startup, apenas boa vontade não é suficiente. É necessário ter coragem e uma boa ideia. Empreender exige tempo e estratégias para administrar o dinheiro aplicado e táticas especiais para atrair novos clientes. Uma boa oportunidade de fazer seu negócio conhecido e seduzir interessados é criando ocasiões por meio de trocas.
A permuta hoje é muito comum no mundo dos negócios, porém existem alguns serviços e produtos que são mais simples de permutar. Mas se você é novo nesta modalidade de negócio, para não errar, se concentre no que realmente pode ser um novo cliente e fornecedor ao mesmo tempo.
Primeiro avalie seus custos e separe os gastos fixos dos variáveis. Dificilmente conseguirá uma permuta com consumo preciso, como aluguel, luz, condomínio, telefone e impostos. Porém outras despesas permanentes, como contador, serviços de entrega ou portador, faxina, segurança, portaria, manutenção geral, entre outros, são mais fáceis de contratar de forma terceirizada e por permuta.
Dá também para reduzir os custos variáveis, como marketing, publicidade e toda comunicação corporativa como rede social, site, impressão de folders, eventos, cursos preparatórios, entre outros. Por exemplo, alguém que já possui um negócio home office e quer crescer e migrar para um escritório para poder agregar funcionários ou prestadores de serviço, além de divulgar seu negócio através de troca ainda pode conseguir através de permuta os móveis de escritório, materiais de construção, equipamentos eletrônicos, informática, internet, filtro de água e material de escritório, entre outras coisas.
Mas alguns ainda podem estar em dúvida de como fazer! Funciona assim: os novos empreendedores disponibilizam na empresa de permuta, que funciona como um banco de crédito, produtos ou serviços ociosos, com foco em trocá-los por créditos de Unidades de Permuta (UPs). Com este crédito, podem escolher entre os itens disponibilizados na rede, aquilo que precisam. Tendo desta forma a facilidade de adquirir o que necessita sem precisar gastar dinheiro ou mexer no caixa da empresa. Os clientes aparecem porque na troca existe a oportunidade de experimentar e conhecer os novos produtos ou serviços e desta forma, contratarem também fora da permuta ou indicarem para outros interessados.
Quem sabe não é esta alternativa que aquecerá seus negócios!




08/04/2015
Ação da HBO causa polêmica nas redes sociais.


Para promover Game Of Thrones, que estreia sua 5ª temporada no dia 12 de outubro, a HBO Brasil resolveu criar um aplicativo para divertir os fãs da série.
Lançado no dia 1 de abril pelo canal no facebook, a “Patrulha da Noite” torna os usuários membros dos fictícios corvos da muralha, responsáveis por proteger os Sete Reinos dos perigos das terras selvagens.
A campanha poderia ter arrebatado todos que acompanham GOT se a HBO não tivesse seguido a história ao pé da letra.
Assim como acontece em “As Crônicas de Gelo e Fogo”, onde a Patrulha da Noite é composta apenas por homens, o aplicativo, quando conectado ao Facebook, barra as mulheres que tentam acessá-lo.
Além das críticas sobre o machismo da ficção sendo trazida ao mundo real pelo canal, os usuários questionam porque lançar um aplicativo que atinge apenas parte dos seguidores.
Segundo o fã clube Game Of Thrones BR, 42% do público que acessa o site é feminino, números que não devem ser muito diferentes no caso da HBO.
Até o momento o canal não se manifestou sobre o caso. Mas tudo indica que o assunto não deve esfriar tão cedo.




07/04/2015
Dia Mundial de Combate ao Câncer – 8 de abril.


Ação do A.C.Camargo nas mídias sociais e no cinema mostra como estar um passo à frente do câncer
Com a proposta de ressaltar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer, o A.C.Camargo lança nesta quarta, dia 2, a ação Um Passo À Frente, na qual o público será estimulado a compartilhar fotos nas redes sociais com um pé na frente do outro, seguindo os passos dos padrinhos da campanha, a jogadora Jaqueline, o cantor Maurício Manieri e a blogueira Nah Cardoso. Em intervenção no Cinemark, um trailer de 30´ é exibido antes de cada sessão de Velozes e Furiosos 7, em duas salas do Cinemark no Shopping Pátio Paulista.
A prevenção e o diagnóstico precoce estão um passo à frente do câncer. Esta é a mensagem por trás de ação do A.C.Camargo Cancer Center alusiva ao Dia Mundial de Combate ao Câncer (8 de abril). Desde a última quarta, dia 2, o público está convidado a interagir por meio de postagens de fotos no Facebook e Instagram acompanhadas das hashtags #umpassoafrente, #accamargo e #DiaMundialdeCombateaoCâncer. Os padrinhos da ação são o cantor Maurício Manieiri, a blogueira Nah Cardoso e a jogadora de vôlei e medalhista de ouro com a seleção brasileira em Pequim (2008) e Londres (2012), Jaqueline Carvalho. “Queremos com essa ação desmistificar o câncer e promover a conscientização das pessoas sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença”, destaca o Superintendente de Negócios do A.C.Camargo, José Marcelo Amatuzzi de Oliveira.
A campanha contempla também uma intervenção nas salas do Cinemark no Shopping Pátio Paulista, que vão exibir um dos filmes mais aguardados de 2015, o Velozes e Furiosos 7.  Antes de cada sessão – entre os dias 2 e 8 abril – será exibido um trailer de 30 segundos trazendo um crítico de cinema (fictício), que começa a contar detalhes do filme. No momento em que ele contará o desfecho do filme haverá um corte, que será seguido pela mensagem: É muito ruim quando estragam a surpresa, não é?A não ser quando a surpresa é o câncer.Com diagnóstico precoce, o sucesso no tratamento pode chegar a 90%.  O final feliz desta história depende de você. Previna-se. O filme pode ser conferido emwww.youtube.com/watch?v=CC6yh0uZweA.




07/04/2015
Mercado de trabalho segue em tendência de piora em março.


Pelo quinto mês consecutivo a taxa de desemprego do mês corrente deve ser pior do que a do mesmo mês do ano anterior
A taxa de desemprego nas seis regiões metropolitanas acompanhadas pela PME/IBGE ficará em 6,2% em março de 2015, segundo a antecipação da Catho-Fipe. Esse valor é 1,2 ponto percentual maior do que o registrado em março de 2014. Confirmando-se a projeção, esse será o maior aumento da taxa de desemprego com relação ao resultado do mesmo mês do ano anterior registrado desde meados de 2006. Até mesmo durante a crise de 2008-2009, a deterioração do mercado de trabalho no período de 1 ano não foi tão grande.
A Fipe e a Catho apresentam também outros indicadores que reforçam esse diagnóstico negativo. Além do aumento esperado da taxa de desemprego nota-se que o salário médio de admissão registrou queda de 2,1% na comparação livre de efeitos inflacionários entre fevereiro de 2015 e o mesmo mês do ano anterior. Trata-se da maior queda desse indicador nos últimos 10 anos. A ‘Pressão Salarial’ média dos últimos 3 meses também se reduziu em fevereiro, ou seja, os novos admitidos estão sendo contratados por um salário ainda menor se comparado àqueles que deixaram seus empregos. Esse movimento de piora nos salários e na pressão salarial é consistente com a piora que esperamos para a taxa de desemprego.
Ao compilar e processar informações de currículos, anúncios de vagas e de contratações disponibilizados pela Catho, a Fipe calcula uma estimativa para a taxa de desemprego da Pesquisa Mensal de Emprego (PME/IBGE)*. A estimativa da Taxa de Desemprego Antecipada de março de 2015 é de 6,2%, 0,3 ponto percentual maior do que a taxa de desemprego registrada em fevereiro e 1,2 ponto percentual maior em relação ao mesmo mês de 2014.
Se a nossa projeção for confirmada, esse será o quinto mês seguido no qual a taxa de desemprego fica acima ou igual à registrada no mesmo mês do ano anterior, o que indica que o mercado de trabalho se encontra em processo de arrefecimento. Não obstante, a tendência é de piora, visto que a cada mês que passa a distância da taxa de desemprego atual com relação à do mesmo mês do ano anterior aumenta (essa distância, que esperamos que seja de 1,2 ponto percentual em março era de 0,7 ponto percentual em fevereiro, 0,5 em janeiro e nula em dezembro). De fato, caso nossos números se confirmem teremos em março de 2015 o maior aumento da taxa de desemprego nessa base de comparação desde julho de 2006, ou seja, maior até do que durante a época da crise internacional de 2008-2009.
A estimativa da Taxa de Desemprego Antecipada feita por meio da técnica do “nowcasting” utiliza dados disponibilizados em “tempo real” para produzir informações e estatísticas precisas, sem a necessidade de esperar semanas ou meses até os institutos de pesquisa divulgarem os indicadores oficiais e defasados. No caso da Taxa de Desemprego, a Fipe cruza informações obtidas com buscas na Internet (por meio de palavras chave relacionadas a emprego, por exemplo) com informações de vagas, candidatos e contratações da Catho, além de outros dados econômicos e também a própria série da PME dos meses anteriores para estimar a taxa de desemprego do mês corrente.
Outro indicador bastante relevante para o monitoramento do mercado de trabalho é o salário médio de admissão. Por indicar como está a evolução da remuneração dos trabalhadores que iniciam um novo vínculo, tem a qualidade de ser um termômetro mais ágil de variações dos salários do que a média de remuneração de toda a população ocupada.
Em fevereiro, o salário de admissão médio apresentou queda de 2,1% descontada a inflação quando comparado ao resultado do mesmo mês do ano anterior. Trata-se de maior queda desse indicador em tal base de comparação na última década.
A comparação dos salários médios de admissão e de desligamento é útil para identificar o grau de dificuldade que as empresas encontram quando precisam contratar novos funcionários. Ou, por outro ângulo, mostra também a condição que os postulantes a novos empregos encontram no momento de negociar seus salários.
A medida é calculada de forma simples: é a divisão entre o salário de admissão médio pelo salário de desligamento médio em um determinado mês, segundo o Caged/MTE. Se for igual a 1, significa que em média os trabalhadores novos estão sendo contratados pelo mesmo salário daqueles que deixam seus empregos. Porém, normalmente, esse valor é menor do que 1, já que os novos contratados costumam ter salários menores que os desligados. À medida em o tempo passa, o vínculo entre a empresa e o empregado se fortalece, e o trabalhador avança na progressão salarial.
Portanto, quanto maior a pressão salarial, maior o ‘aperto’ no mercado de trabalho. Os dados exibidos no gráfico acima mostram a série dessazonalizada da Pressão Salarial para o Brasil desde 2006 em forma de média móvel de 3 meses afim de evitar flutuações espúrias de curto prazo. Durante a crise financeira de 2008-2009 houve forte queda nesse indicador, que voltou a subir em 2010 e atingiu o pico de 0,941 em abril de 2012. A partir de então, lentamente, a pressão salarial apresenta tendência de queda e já está abaixo da média do período 2006-2015, indicando que o mercado de trabalho está num período menos apertado. Em fevereiro/2015, a pressão salarial livre de efeitos sazonais foi de 0,901. Ou seja, o salário médio dos admitidos foi 9,9% menor do que o dos desligados no período.




07/04/2015
40% dos profissionais LGBTs já sofreram discriminação no trabalho pela orientação afetiva-sexual, revela estudo.


Levantamento realizado pela consultoria de engajamento Santo Caos entrevistou 230 pessoas, entre 18 e 50 anos, de 14 regiões do Brasil; O objetivo foi entender os principais desafios enfrentados no mercado de trabalho
No Brasil, cerca de 18 milhões de pessoas já se assumem LGBTs (lésbicas, gays, bissexuais e transexuais). No entanto, a diversidade sexual e de gênero ainda é tratada na sociedade e no mercado de trabalho de maneira preconceituosa. Para tentar desmistificar e ajudar as instituições a entender os desafios e toda a dificuldade enfrentada por esse público, a consultoria de engajamento Santo Caos – www.santocaos.com.br – realizou um estudo em formato multimídia chamado Demitindo Preconceitos – Por que as empresas precisam sair do armário – http://www.demitindopreconceitos.com/ -, com 230 profissionais, entre 18 e 50 anos, de 14 estados brasileiros, provenientes de segmentos diversos, como Administração, Comunicação, Cinema, Design, Direito, Educação, Engenharia, Finanças, Marketing & Comunicação, TI. O levantamento, que contém mais de 70 horas de gravações, apontou que 40% dos entrevistados já sofreu discriminação no trabalho por conta da orientação sexual. Ainda de acordo com os dados, 61% dos depoentes declararam ter alta, ou médiainfluência ao escolher uma vaga em determinada companhia com medo da empresa não aceitar sua orientação.
Segundo Jean Soldatelli, sócio e diretor  de comunicação da Santo Caos, um em cada quatro LGBT foi influenciado por sua orientação sexual na hora escolher a carreira com receio de preconceitos.  “Em pleno século XXI é extremamente incompreensível que a pessoa mude a escolha da carreira por causa da orientação sexual. Alguns declaram, por exemplo, que o ambiente preconceituoso de certos segmentos considerados tradicionalmente machistas os acaba intimidando,e são fatoresdecisivos entre optar por uma profissão, ou outra.É algo irreal e que não pode mais existir”, afirma. O executivo revela que o medo de exposição é tão grande que deum a cada três pessoas recusou-se a responder a entrevista. “Mais de um terço das pessoas que gostaríamos de ter entrevistado não quis se expor por medo da instituição que trabalha reconhecer sua orientação sexual e, por conta disso, sofrer algum tipo de represália, mesmo que psicológica”, comenta.
O estudo ainda apontou que somente 47% revela a orientação sexual no trabalho, sendo que destes apenas 32% assumem para o chefe imediato e apenas 2% para o gestor de Recursos Humanos da empresa. Entre os principais motivos alegados para não se manifestarem estão: medo de discriminação; demissão ou dúvida sobre a capacidade profissional; falta de intimidade e por não sentir necessidade para expor vida pessoal.“Os profissionais LGBT não veem nas posturas dos líderes e até na cultura da empresa um modelo de apoio que precisam. Esse fator é um alerta de como as empresas precisam pensar além das políticas e investir em treinamentos, ações e em outros recursos que ajudem a abrir discussões saudáveis para tornar o ambiente cada vez mais favorável a diversidades Somente desta maneira os profissionais estarão, de fato, mais engajados com a companhia”, esclarece Soldatelli.
Além disso, a pesquisa também mostrou que em apenas 52% das empresas a postura era favorável à diversidade. “Quase metade das companhias brasileiras mostrou ter uma postura neutra ou desfavorável quanto a orientação sexual do candidato. Em hipótese alguma o gestor deve medir a capacidade do profissional por causa de sua orientação sexual, identidade ou expressão de gênero. Esse número é muito alto e mostra o quão atrasados estamos”, afirma.




07/04/2015
Participação do Brasil no South by Southwest 2015 gera US$ 18,9 milhões em negócios


57 empresas brasileiras estiveram em Austin, em comitiva liderada pela Apex-Brasil
Startups brasileiras atraíram US$ 6,8 milhões em investimentos
A participação do Brasil no evento South by Southwest (SXSW) – um dos mais importantes eventos de economia criativa do mundo, realizado no mês de março, em Austin (EUA) – gerou US$ 18,9 milhões em negócios para as empresas brasileiras que foram ao evento com o apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). O valor superou a estimativa inicial de US$ 7 milhões. Em 2014, a participação nacional rendeu US$ 5 milhões. As startups brasileiras captaram US$ 6,8 milhões para estruturar seus negócios. A Agência levou 57 empresas aos Estados Unidos.
A cidade de Austin, no Texas, é palco do SXSW, festival de música organizado há 27 anos que cresceu, incorporou o cinema e internet, e se tornou uma referência global no que se convencionou chamar de convergence: o ponto de encontro de nova tecnologias, filmes, música, games, mídias sociais etc. Neste ano, o festival ocorreu entre os dias 13 e 22 de março (http://sxsw.com/).
A presença brasileira coordenada pela Agência ocorreu em várias frentes dentro do festival. Os brasileiros puderam expor suas soluções em estandes no Trade Show, onde participaram de reuniões e rodadas de negócios. Ao todo, 28 empresas participaram das negociações do Trade Show, nas categorias Platinum Connection e Silver Connection. Além dos US$ 18,9 milhões gerados, os encontros resultaram em um retorno adicional: a captação de US$ 7,97 milhões em investimentos para as empresas nacionais.
Já no ambiente do Startup Village, espaço do festival para que startups apresentem seus produtos, façam reuniões de negócios e tenham treinamento especializado, onze startups selecionadas pela Apex-Brasil participaram de reuniões para buscar investimento e captaram US$ 6,8 milhões para estruturar seus negócios. Um grande passo para as empresas, que buscam no mercado internacional valores na ordem de US$ 25 milhões.
Além disso, a Agência montou a Casa Brasil – espaço para apresentação do conteúdo brasileiro de economia criativa: palestras, workshops, shows, apresentação de filmes e produções audiovisuais, exposição de games brasileiros, ativação e exposição de produtos brasileiros e espaços para networking. A Casa despertou o interesse do público e ficou lotada todos os dias, com filas para entrar e assistir aos eventos.
“O South by Southwest é um evento de grande importância para os setores ligados à economia criativa e os resultados mostram o sucesso da ação, organizada em parceria com diversas entidades setoriais”, destaca o presidente da Apex-Brasil, David Barioni Neto.




02/04/2015
O varejo do futuro é móvel e conectado.


Estima-se que 65% da população mundial tenha um celular na mão; 83% do uso da internet acontecem por meio de dispositivo móvel; e mais da metade das vendas globais do varejo é influenciada por tecnologia. A internet trouxe a conveniência para o varejo e um ambiente de compra atrativo passou a ser o elemento chave para a fidelização do cliente. Combinar tecnologia e interatividade, transformando toda interação em oportunidade de compra é a fórmula do varejo do futuro.
Existe um novo perfil de consumidor que não quer só comprar, ele quer aprender, ver, tocar, interagir, avaliar, criticar, elogiar e recomendar. E o varejista do futuro enfrentará o desafio de aumentar a qualidade de seus produtos, aumentar a segurança de compra de sua plataforma online, explorar de forma inteligente a “hiper-conveniência” – facilidade de compra, entrega eficaz e pagamento digital. E, sobretudo, ampliar interação personalizada com seus clientes.
Novas tecnologias transformarão o cliente fã em embaixador das marca e é neste momento que os e os varejistas deixarão de conversar com seus consumidores isoladamente e passarão a falar também com as redes com as quais esses consumidores se relacionam.
O futuro dos varejistas terá seus movimentos ainda mais pautados na experiência de compra de seus clientes, dependerá cada vez mais do comprador. Neste contexto, o varejista terá que estar focado em nutrir boas experiências utilizando tecnologia. CRM inteligente e plataformas integradas, por exemplo, auxiliarão a varejista a conhecer a fundo seu comprador, a ofertar de maneira assertiva e a dialogar com ele.
Além do engajamento e experiência de compra, o uso da mobilidade já é outro fator chave para o varejo do futuro. Soluções de mobilidade criam uma experiência única de compra para o consumidor e são diferenciais extremamente competitivos para o varejista. Clientes querem ser atendidos de forma rápida e personalizada, seja no universo online ou offline.
Mapear seus clientes e utilizar esses dados para criar serviços digitais usando a tecnologia para proporcionar contato humano e promover serviços personalizados é o caminho para o varejo do futuro – e ele é móvel e conectado.




02/04/2015
Ipsos apresenta estudo para entender o consumo de chocolate no país


Com a chegada da Páscoa, o consumo de chocolate cresce em todo o país. Para a maioria das pessoas, o ovo de Páscoa é um símbolo de nascimento e vida. Esta data é comemorada pelos cristãos por conta da sua representação da ressureição de Jesus Cristo com a esperança de uma nova vida. Para entender um pouco mais sobre o consumo deste doce tão apreciado, a Ipsos Connect – unidade de negócios que coordena os serviços voltados para a área de Comunicação de Marca, Propaganda e Mídia da Ipsos – acabou de realizar um estudo.
Segundo o levantamento nacional da Ipsos, a capital que lidera o ranking de maior índice de consumo de chocolate é Porto Alegre com 82%, logo atrás está São Paulo com 75%, Curitiba e Brasília ambos com 74%.
São Luis é o mercado com maior concentração de mulheres (61%) apaixonadas pelo chocolate. Com relação à classe econômica, Brasília é onde está a maior quantidade de consumidores de chocolate pertencentes à classe A com 18%, a classe B se destaca em Porto Alegre (48%), Curitiba (47%) e Florianópolis (46%), já a classe C aparece em Salvador (57%), Recife (55%) e Rio de Janeiro (55%).
“O consumo de chocolate cresce significativamente neste período do ano, mas esta pesquisa comprova que este amor permanece ao longo do ano e não se restringe apenas à Páscoa. O consumo de barras, bombons e tabletes continua alto ao longo do ano”, afirma Diego Oliveira, diretor na Ipsos Connect no Brasil.
Os meios de televisão, internet, folhetos promocionais e o boca a boca são os meios que mais influenciam na hora da decisão desse público. 70% dos consumidores de chocolate decidem o que comprar antes de ir às compras; 68% são cuidadosos com o dinheiro e gostam de visitar várias lojas antes de fazer suas compras.
Esta pesquisa foi realizada nos 19 mercados que a Ipsos tem atuação, com mais de 41 mil pessoas.




02/04/2015
SLOW COW LANÇA A AÇÃO DIGITAL “ISSO ME IRRITA MUITO”.


Hotsite permite que os fãs da marca compartilhem com seus amigos, de forma divertida, cenas que os irritam no dia a dia e merecem uma pausa
Slow Cow está ao lado de todos que levam uma vida agitada no combate ao estresse e àqueles momentos mais irritantes do dia a dia. Para comunicar os benefícios do produto de uma forma divertida, a marca levou para o meio digital diversas situações incômodas, mas frequentes em nossa vida e criou um hotsite totalmente interativo. “Isso Me Irrita Muito” é uma plataforma que permite que os fãs da marca construam cenários incluindo diversas atitudes para brincar de irritar os seus amigos. Além disso, ainda será possível medir quanto tempo os usuários conseguem agüentar a cena irritante. O hotsite (www.slowcow.com.br/issomeirritamuito) entra no ar a partir do dia 7 de abril.
“Slow Cow convida os consumidores a incluir uma pausa, um respiro no meio da sua rotina. Um momento para relaxar, sair do automático e focar no que importa. Esse é o objetivo do ‘Isso Me Irrita Muito’, brincar com as situações irritantes do dia a dia que podem ser compartilhadas desafiando seus amigos a suportá-las e brincar também”, explica Rodrigo Assis, CEO da marca no Brasil. “Afinal, quem nunca ficou estressado que atire a primeira lata”, brinca o executivo.
Brincando de irritar os amigos
Ao acessar o hotsite “Isso Me Irrita Muito” (www.slowcow.com.br/issomeirritamuito) os fãs da marca poderão dar início à construção de seu cenário que brinca de irritar. O primeiro passo é a escolha do ambiente, entre as opções estão um elevador, um trânsito engarrafado ou um vagão de metrô, por exemplo. Depois chega a parte mais divertida, e ao mesmo tempo irritante, que é a escolha dos personagens de sua cena.
Os personagens possuem atitudes e sons irritantes em looping, e é possível acrescentar quantos forem suficientes parra irritar seus amigos. Um mariachi mexicano é irritante o suficiente? E se na mesma cena tivermos uma criança fazendo birra e um argentino torcendo pela seleção de seu país? E ainda dá para piorar, além destes temos um mosquito, um rapaz que adora falar cutucando, um dorminhoco que ronca, uma furadeira em funcionamento e muitas outras atitudes que tiram as pessoas do sério. Depois é só salvar e compartilhar nas redes sociais com quantas pessoas quiser.
Sobre Slow Cow Relax Drink
Slow Cow é uma bebida canadense, inovadora e premiada, referência mundial em Relax Drink. Feita com ingredientes naturais, à base de chá verde, camomila, melissa, capim-limão, valeriana, maracujá, lúpulo e tília, conhecidos por suas propriedades calmantes. É levemente gaseificada, zero caloria, não contém glúten nem lactose e é ideal para tomar em momentos em que se busca foco e tranquilidade.
Ao contrário do que algumas pessoas podem pensar, ela não causa sonolência, e sim traz uma sensação natural de calma e bem estar e estimula a concentração. Exatamente por isso, Slow Cow pode ser consumida em qualquer horário do seu dia, numa pausa no trabalho, para estudar e ler, antes ou durante o voo, em momentos de lazer, após exercícios físicos ou para encerrar o dia.
A Slow Cow chegou no Brasil em 2013 e conquistou os brasileiros rapidamente. Já está presente em 1.600 pontos de venda pelo país, em todos estados e no Distrito Federal. Pode ser encontrada nos melhores empórios, supermercados, lojas de conveniência, cafés, padarias, aeroportos, hotéis, academias e restaurantes.Uma marca jovem, leve, divertida que está se destacando no mercado e abrindo espaço para a categoria de bebidas relaxantes.




01/04/2015
Ação @CocaNoMc termina com dois milhões de tweets em 38 dias.


Foi encerrada a ação @CocaNoMc, que distribuiu um milhão de copos com 500ml de Coca-Cola nos restaurantes do McDonald’s para os consumidores que oferecessem aos seus amigos por meio de tweets. A campanha teve alto engajamento no Twitter e, ao final, foram registrados 107 mil seguidores no perfil oficial e 1,97 milhão de tweets enviados pelo perfil @CocaNoMc, durante o período da ação. No primeiro dia da iniciativa, a ação apareceu nos Trending Topics e a hashtag #CocaNoMc permaneceu no top 5 dos trends Brasil durante toda a manhã do terceiro dia da ação.
“O McDonald’s sempre busca inovar com objetivo de  ampliar ainda mais a experiência do consumidor e a parceria com a Coca-Cola nos rendeu ótimos resultados. A escolha do Twitter foi estratégica para nos conectar a um público jovem e engajado, o que gerou ainda mais buzz para a marca. Prova disso foi que conseguimos nos manter nos Trending Topics até o 5º dia da ação”, comenta Roberto Gnypek, vice-presidente de Marketing do McDonald’s




Untitled Document
Acompanhe o Blog
Março de 2021 6 postagens
Fevereiro de 2021 12 postagens
Janeiro de 2021 1 postagens
Dezembro de 2020 15 postagens
Novembro de 2020 17 postagens
Outubro de 2020 12 postagens
Setembro de 2020 19 postagens
Agosto de 2020 13 postagens
Julho de 2020 10 postagens
Maio de 2020 9 postagens
Abril de 2020 9 postagens
Março de 2020 10 postagens
Fevereiro de 2020 11 postagens
Janeiro de 2020 4 postagens
Dezembro de 2019 15 postagens
Novembro de 2019 12 postagens
Outubro de 2019 2 postagens
Setembro de 2019 21 postagens
Agosto de 2019 15 postagens
Julho de 2019 6 postagens
Junho de 2019 11 postagens
Maio de 2019 11 postagens
Abril de 2019 19 postagens
Março de 2019 24 postagens
Fevereiro de 2019 16 postagens
Janeiro de 2019 15 postagens
Junho de 2018 6 postagens
Maio de 2018 28 postagens
Abril de 2018 18 postagens
Março de 2018 13 postagens
Fevereiro de 2018 16 postagens
Janeiro de 2018 17 postagens
Dezembro de 2017 8 postagens
Novembro de 2017 13 postagens
Março de 2016 37 postagens
Fevereiro de 2016 40 postagens
Janeiro de 2016 48 postagens
Dezembro de 2015 36 postagens
Novembro de 2015 76 postagens
Outubro de 2015 96 postagens
Setembro de 2015 119 postagens
Agosto de 2015 124 postagens
Julho de 2015 132 postagens
Junho de 2015 75 postagens
Maio de 2015 92 postagens
Abril de 2015 31 postagens
Março de 2015 34 postagens
Fevereiro de 2015 25 postagens
Janeiro de 2015 28 postagens
Dezembro de 2014 20 postagens
Novembro de 2014 27 postagens
Outubro de 2014 25 postagens
Setembro de 2014 17 postagens
Agosto de 2014 18 postagens
Julho de 2014 19 postagens
Junho de 2014 15 postagens
Maio de 2014 17 postagens
Abril de 2014 16 postagens
Março de 2014 14 postagens
Fevereiro de 2014 16 postagens
Janeiro de 2014 14 postagens
Dezembro de 2013 16 postagens
Novembro de 2013 21 postagens
Outubro de 2013 14 postagens
Setembro de 2013 21 postagens
Agosto de 2013 27 postagens
Julho de 2013 17 postagens
Junho de 2013 18 postagens
Maio de 2013 18 postagens
Abril de 2013 20 postagens
Março de 2013 4 postagens
Fevereiro de 2013 16 postagens
Janeiro de 2013 18 postagens
Dezembro de 2012 16 postagens
Novembro de 2012 7 postagens